Prefeitura se reúne com CDL para tratar ações voltadas ao outubro rosa, vigilância sanitária e natal

Prefeitura se reúne com CDL para tratar ações voltadas ao outubro rosa, vigilância sanitária e natal

A prefeitura de Aracruz, por meio das Secretarias de Desenvolvimento Econômico (Semde), Saúde (Semsa), Transportes e Serviços Urbanos (Setrans) e Turismo e Cultura (Semtur), se reuniu com representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) do município na manhã desta terça-feira (24/09) para tratar de vários assuntos que envolvem o poder público e logistas do município.

Entre os assuntos em pauta estão as ações voltadas ao Outubro Rosa, a vigilância sanitária, ao natal, dentre outras, como a taxa cobrada por fiscais do setor de posturas. O evento contou com as presenças do prefeito Jones Cavaglieri, secretários municipais, além do Presidente da CDL, Sr Aderjânio Pedroni e demais comerciantes.

Jones deu as boas vindas aos presentes e começou elogiando a parceria entre prefeitura de Aracruz e empresários, no que diz respeito às ações que visam a melhoria de campanhas, como o Outubro Rosa. “Eu entendo que ninguém faz nada sozinho e por isso agradeço a colaboração que sempre tivemos dos empresários. Outubro é um mês muito importante para a saúde, pois falamos da prevenção do câncer, doença responsável por mais de 60% das mortes, principalmente quanto ao público feminino. É um número considerado alarmante, e tudo isso porque não existe prevenção adequada, pois essa doença tem cura, desde que descoberta em sua fase inicial”, comenta.

A Secretária de Saúde Clenir Avanza lembrou que Aracruz alcançou o menor índice de câncer de mama em função do trabalho preventivo desenvolvido na cidade, e reforçou a importância das parcerias. “Nós zeramos a fila de procura para os exames e estamos com os preventivos em dia. Também sabemos que muitas mulheres não fazem o preventivo e muito menos os exames. Por isso estamos aqui hoje, para estabelecer uma parceria como a do ano passado, quando realizamos uma ação bastante produtiva no Shopping Oriundi”, lembra.

Diante do exposto a prefeitura confirmou que em 2019 dedicará uma semana inteira para atender as funcionárias dos logistas. “Do dia primeiro ao dia nove de outubro nós faremos esses exames com as funcionárias dos logistas que terão que nos passar quem precisa realizá-los. A Casa Rosa fará os preventivos e no Hospital São Camilo as mamografias. Vamos agendando de acordo com as necessidades”, comenta.

Também foi pedido aos logistas que eles entrem no clima e estimulem a busca pelos exames, levando as cores da campanha e personalizando suas lojas. “É muito importante que os comerciários façam sua parte e coloquem a cor rosa em suas lojas. A mulher precisa fazer esse exame preventivo”, completa a Secretária de Saúde.

A segunda pauta discutida na reunião disse respeito às dificuldades encontradas pelos comerciantes com as atuações da vigilância sanitária no município. De acordo com o Presidente da CDL, Sr Aderjânio Pedroni, existe uma reclamação por parte dos comerciantes que se sentem prejudicados por não poderem vender determinados produtos que são vendidos nos municípios vizinhos, o que não ocorre em função de uma severa fiscalização da vigilância de Aracruz, mas pela ausência da mesma nas outras cidades. “Se você está em Jacupemba não pode comprar determinados produtos vendidos em barracas de beira de estrada, mas é só você atravessar para a região do Rio Quartel que todo mundo faz o que quer. Precisamos ajustar com a vigilância essa situação para podermos manter uma igualdade de competitividade, sendo que nas paradas de Ibiraçu e João Neiva, por exemplo, eles vendem o que aqui não é permitido”, explica.

Com relação à não fiscalização da vigilância nos municípios vizinhos, a Secretaria de Saúde explicou a origem desse processo e como Aracruz tomará as medidas cabíveis diante do estado para tentar contornar a situação. “Diferentemente de nós que temos nossa própria vigilância, os demais municípios, para não ter trabalho, deixaram essa fiscalização com o estado que não atende de forma satisfatória. Com relação a esse processo tomarei as providências. Vou eleger um grupo de fiscais exclusivo pra cuidar da questão dos comerciantes que ficam às margens da rodovia, além de notificar a Vigilância Sanitária Estadual para que ela proceda com os protocolos, pois não é justo que nossos comerciantes que cumprem a lei sejam prejudicados, e assim todo mundo se adéqua”, diz.

Eles ainda discutiram sobre as alternativas para melhorar o recolhimento dos entulhos gerados pelas obras na cidade, assim como as áreas que possam ser licenciadas para receber esses entulhos. Sobre as ações para as festividades do natal, os logistas cobraram uma melhor ornamentação na cidade. “Ano passado foi muito bom e os comércios ficaram abertos até mais tarde. Tivemos filas para tirar fotos próximo à árvore-de-natal e na oca do papai noel, onde mais de cinco mil pessoas visitaram. Neste ano estamos com uma campanha mais audaciosa e com um diálogo bem avançado com a Secretaria de Turismo e Cultura, por isso queremos construir uma solução ainda melhor, principalmente na rua Professor Lobo, na avenida Venâncio Flores e alguns trevos, com uma ornamentação diferenciada, estendendo também aos distritos”, comenta Aderjânio Pedroni.

Mesmo sem o orçamento necessário, a prefeitura se comprometeu em estabelecer uma parceria e um planejamento mais acentuado com os comerciantes. “É claro o nosso interesse em deixar a cidade ainda mais bonita, mesmo tendo que priorizar outras coisas. Todo orçamento para 2019 está completamente fechado e estamos aguardando outras receitas e recursos chegarem, pois queremos um natal ainda melhor do que o do ano passado, por isso também solicitamos que cada comerciante também faça um pequeno enfeite na porta de sua loja”, finalizou o prefeito Jones.

TEXTO: Renato Lana
E-MAIL: rfaria@aracruz.es.gov.br

FONTE: http://www.aracruz.es.gov.br/noticia/87747/